Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Manuela, a mãe do miúdo que Emídio usou para se fazer passar por João, confessa tudo a Vera e Catarina. Esta sem perder tempo obriga Emídio a ir a casa de Vera onde está montada uma armadilha para lhe arrancar a confissão do crime. António grava toda a conversa sem que ele saiba e acabam por obrigá-lo a comprometer-se em devolver as acções que extorquiu a Vitória. Emídio está rubro de raiva, mas é obrigado a ceder, senão volta para a cadeia. No entanto, Vera e Catarina duvidam que Emídio cumpra o que prometeu, embora António acredite que sim.João vai conversar com o tio Henrique e faz com que ele se lembre um pouco mais do dia do acidente. À medida que a conversa se desenrola, Mercedes fica aflita, temendo que Henrique a relacione com o desastre e também com o rapto de João. Quando a família se esforça para que Henrique recupere, chega Eduardo, disposto a mais ironias. Sol de pouca dura, porque assim que Mercedes lhe conta que devolveu a Henrique as acções que Eduardo queria para si, ele fica furioso. Tenta atemorizar a espanhola mas Mercedes, muito segura de si, não mostra qualquer receio de Eduardo. Este não tem alternativa senão sair em busca das acções que Emídio roubou a Vitória.

Emídio, por seu lado, pressionado por Vera, tira as acções que estão na posse de Laura enganando-a. Quando esta tenta reagir Emídio rompe definitivamente com a mãe e regressa a casa de Vera para cumprir a sua promessa, livrando-se de voltar à prisão.

Eduardo, ao saber que Emídio levou as acções que Laura guardava é tomado por uma fúria incontrolável e expulsa a mãe do escritório.

Com uma pistola apontada à cabeça, Vera liga a Rodrigo dizendo-lhe que tem de levar Vitoria para que ambos recebam as acções das mãos de Emídio. Rodrigo não percebe o que se passa mas desconfia que algo de mal está prestes a acontecer. Seguindo a recomendação de Vera para não levar João consigo, satisfaz a vontade do filho que quer jantar na casa grande. Este aproveita para convidar Júlio para passar a noite com ele. Alexandra e Gabriel expulsam Silveira da cozinha para que o segurança de Eduardo não atrapalhe a confecção do jantar especial que ela está a fazer para João.

Em casa de Vera o clima é de alta tensão. Emídio obriga toda a gente a deixar o apartamento ficando apenas Vera, ameaçada com a pistola, Vitória e Rodrigo. Emídio exige um beijo de Vitória para libertar as acções. Rodrigo mal consegue resistir a saltar para o pescoço de Emídio.

João brinca com Júlio, alheio ao que os pais estão a passar neste momento. Alexandra e Gabriel comentam a felicidade de João e ela sente saudades dos filhos que deixou na Ucrânia.

Emídio leva a sua intenção por diante largando Vera e puxando para si Vitória a quem arranca um beijo forçado, quase levando Rodrigo a cometer um acto tresloucado. Depois deste pequeno triunfo, Emídio sai do apartamento de Vera sempre com a arma em riste. Rodrigo sente aquele beijo como uma violação e sai atrás dele. Vera, ainda que contrariada, tenta consolar Vitória.Eduardo manda que Sebastian vá de imediato à Quinta do Paço. Nesse instante Emídio entra no escritório e dá de caras com o irmão que lhe aponta uma arma, pronto para se vingar da traição que sofreu. No entanto, Emídio escapa à fúria de Eduardo dizendo que se lhe acontecer alguma coisa, pessoas da sua confiança divulgarão todos os crimes que implicam os dois, conduzindo à prisão de Eduardo. Este cede à chantagem de Emídio mas prepara com Sebastian o contra-ataque, planeando eliminar Emídio, Marta e Mercedes.
Por seu lado Emídio e Marta planeiam eliminar Eduardo de uma vez por todas.
Rodrigo chega finalmente a casa e, ao invés de recriminar Vitória, demonstra-lhe toda a gratidão por ter salvo a sua vida e a de Vera. Beijam-se apaixonadamente, fortalecendo o amor que os une.

Catarina conta a Vera que Rodrigo e Vitória ultrapassaram os problemas criados por Emídio e formam agora um casal feliz. Não é notícia que Vera encare com agrado, mas melhora rapidamente a disposição ao receber nova mensagem de Daniel, insistindo para que almocem juntos. Vera sente-se nas nuvens e Catarina percebe que Daniel está a mexer com os sentimentos da amiga.

Eduardo confessa a Sebastian que vai fazer com que Mercedes e Emídio pensem que ele está derrotado para depois lhes desferir o golpe fatal que acabará de vez com eles. Por seu lado, Mercedes revela a Emídio que as terras da Quinta do Paço vão valer uma fortuna, depois de se saber que o TGV as vai dividir ao meio. Emídio fica muito entusiasmado, garantindo-lhe que já começou a preparar o plano para se ver livre de Eduardo. Mercedes pede entretanto a Emídio que falsifique uma carta de Henrique para controlar a herdade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:00


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D